September 30, 2006

NA LITERAMÉRICA 2006 - OS TRÊS NOVOS ACADÊMICOS DE MATO-GROSSO SE ENCONTRAM

João Carlos Vicente Ferreira, Francisco Charneca e o Gov Blairo Maggi, no stand de Portugal com a representante da Lusa Pátria - Letícia Güércia - assessora do Pianista Adriano Jordão - Diretor do Instituto Camões da Embaixada de Portugal.

quem é JOÃO CARLOS VICENTE FERREIRA

JOÃO CARLOS VICENTE FERREIRA

DADOS PESSOAIS:

Nome: João Carlos Vicente Ferreira nascido a 27 de março de 1954 natural de Santa Cecília do Pavão - Paraná, Publicitário, casado

PRINCIPAIS ATIVIDADES DESEMPENHADAS

- Gerente do jornal O Estado do Paraná, de circulação estadual, com sede em Curitiba-PR (período 1984-1986).

- Empresário no (período 1986-1988).

- Redator do jornal A Gazeta Regional, de circulação estadual, com sede em Mandaguari-PR (período 1986-1988).

- Editor do Jornal dos Municípios, órgão oficial da Associação dos Municípios do Setentrião Paranaense, com sede em Curitiba-PR (período 1988).

- Idealizador e apresentador do programa de televisão Perfil Paranaense, na TV Maringá - Rede Bandeirantes, na cidade de Maringá-PR (período 1988-1989).

- Articulista e colunista político no jornal Correio de Notícias, com sede em Curitiba-PR, de circulação interestadual, grande tiragem e periodicidade diária (período 1989-1990).

- Idealizou, coordenou e realizou o I FEST VÍDEO, Festival Nacional do Vídeo Amador, em 1990. Este evento obteve intensa repercurssão na mídia nacional, com participação de 17 Estados da Federação e 146 vídeos inscritos, recebendo elogios da crítica especializada.

- Diretor Cultural da Fundação Júlio Campos, entidade civil sem fins lucrativos, com sede em Várzea Grande-MT (período 1991-1993).

- Editor geral da Editora Memória do Brasil, empresa com sede em Maringá-PR, de agosto de 1996, função que desempenha até os dias de hoje.

- Editor da Editora Buriti, em Cuiabá-MT, de 1999 até os dias de hoje.

- Idealizou e instituiu o Projeto Memória Viva, que objetiva a recuperação, registro e divulgação da memória histórica dos Municípios de Mato Grosso. Os veículos utilizados para a divulgação deste projeto foram vídeos documentários, fascículos ilustrados e o programa de TV: Você Sabia?, que está no ar, na TV Brasil Oeste, de 1991 até 2004.

- Foi Conselheiro eleito do Conselho de Cultura do Estado de Mato Grosso, período 2000/2004.

- Foi Presidente eleito da SABEMT-Sociedade Amigos da Biblioteca Pública Estadual de MT, em Cuiabá, no período 2001/2002.

- É Presidente eleito do Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso, instituição cultural mais antiga do Estado de

Mato Grosso, onde é sócio efetivo desde 1996.

- Desde 2004 é Secretário de Estado da Cultura de Mato Grosso


(clique na imagem para ver o site)

INSTITUIÇÕES A QUE PERTENCE

- Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso (sócio efetivo).

- Instituto Histórico e Geográfico da Paraíba (sócio correspondente).

- Academia de Letras e Artes de Paranapuã (sócio Amigo da Cultura).

- Associação dos Amigos do Livro Mato-grossense - ALIMEMTO (sócio fundador).

TRABALHOS E LIVROS PRODUZIDOS E PUBLICADOS e outras coisas...

Com vinte livros publicados e oito em elaboração ou esparando publicação, João Carlos Ferreira é muito mais do que um ecritor e homem da História e da Cultura.
Dotado de uma voz invejável foi um cantor da noite, carreira que outros valores da Arte fizeram esfriar.
Como Secretário de Estado da Cultura do Estado de Mato Grosso, tem uma atuação ímpar, seja na preservação do património histórico e artístico do estado, seja na moralização do uso de recursos da cultura, ou na ousadia de enfrentar tarefas arriscadas com inigualável índice de concretização:
Deu início em 2005 à LITERAMÉRICA, reunindo todos os países da América de Língua Ibérica, e este ano, numa visão universalista da cultura brasileira agregou Portugal, Espanha e Itália ao evento.

(clique na imagem para visitar)
Mais do que uma feira de literatura a Literamérica foi um oásis de Cultura, em todos os sentidos, para um povo que está a quase muil reais de distância dos grandes centros de cultura do Rio e São Paulo.
Numa cidade de 650.000 habitantes, a iniciativa de João Carlos, magistralmente secundada pela denodada capacidade organizativa de sus esposa Eleonor, levou a que durante os dez dias do certame se registrassem mais de 200.000 (duzentas mil) visitas.
Nas artes plásticas atuou de forma moralizadora em diferendos artísticos (panelinhas) referentes ao Salão Jovem Arte Matogrossense, anunciando soluções que não só repõem a verdade artística do Salão, como se propôe criar um salão de expressão nacional que faça ver nova arte aos mato-grossenses.
NO âmbito da música criou a Orquetra de Câmara do Estado, que integra instrumentos clássicos de orquestra com instrumentos regionais, como a viola de cocho e o ganzá. Só este feito já o tornasria entre os primeiros na implementação da cultura de Mato Grosso.

(clique para ver mais)
Fico feliz de o ver na Academia Brasileira de Belas Artes, e espero que possamos um dia ter uma competência com a dele no Ministério da Cultura do Brasil

Francisco Charneca

ASSEMBLÉIA EXTRAORDINÁRIA DA ABBA POSTERGADA PARA DATA A ANUNCIAR


Caros amigos:

A Assembléia Extraordinária marcada para 28 de outubro próximo foi cancelada.

Uma nova data será divulgada posteriormente.

Grato

Celso Barbosa
NOVOS MEMBROS DA ACADEMIA BRASILEIRA
DE BELA
S ARTES

Com cerimônia de posse acadêmica com a Presidência da Escultora e Pintora Iracy Carise, prevista para dia 18 de Novembro de 2006, passam à categoria de imortais da ABBA os seguintes artistas e personalidades:

foto de Iracy Carise de JOSÉ PIMENTEL

ACADÊMICO DE GRAU

Celso Barbosa - Cadeira de Grau 04 - Patrono Austregésilo da Athayde


ACADÊMICOS LIVRES

Dario Silva - Cadeira Livre 02 - Patrono José Pancetti
Roberto de Souza - Cadeira Livre 12 - Patrono Enrico Caruso
Eduardo Camões - Cadeira Livre 14 - Patrono José Fleming de Almeida Júnior
Francisco Charneca - Cadeira Livre 15 - Patrono Antonio de Souza Vianna
Dora Parentes - Cadeira Livre 22 - Patrono Alfredo Cheschiatti
Renato Bordini - Cadeira Livre 21 - Patrono Galdino Guttman Bicho
Max Lopes - Cadeira Livre 37 - Patrono Auguste Maria Taunay
Ricardo Raposo - Cadeira Livre 34 -Patrono Attilio Corrêa Lima


ACADÊMICO HONORIS CAUSA


Vera Figueiredo

Marly Barbara

Eliane Mariath

João Carlos Vicente Ferreira
(Secretário de Estado da Cultura do Estado de Mato Grosso)

Maria Claro



ACADÊMICO HONORIS CAUSA
Grande Colar de Honra


BLAIRO BORGES MAGGI
Governador do Estado de Mato Grosso

Blairo Mggi condecora João Carlos Vicente Ferreira
com a Ordem do Mérito de Mato Grosso (crédito: Júlio Rocha)